Ponto de Partida

21/08/2017

foto: equipe Viès Arquitetônico
foto: equipe Viès Arquitetônico

autor: Portal Viès

      Claro que a ideia surgiria numa mesa bem redonda, de bar, na madrugada e no verão. O resto foi puro interesse jovem, vontade de expressão, de representação, de adoração à transigência do mundo e tudo que dele se tira. De resto foram três amigos que ali se encontraram e eu confirmei logo que era onde nascia um espírito de discussão e de reforma, mas que não havia ainda sequer forma, nem texto, nem som e nem imagem. Hão de ter a partir de agora. Era algo que sempre nos aparecia, mesmo que ainda sem consciência. A inquietude, o desassossego, a nossa vocação tendenciosa de olhar o conflito como mais um amigo da mesa, que brinda as ideias sem fórmula, que nascem, renascem e incitam lá longe. A partir daí foi claro, foi só deslocar da ideia para a prática, essa que começaremos aqui e agora. E o resto? O resto é história e toda história tem seu viés. //